install theme
Há uma ilustração de Grandville1, para Un autre monde, onde um homem excêntrico passeia numa ponte entre planetas. “Em suas especulações gráficas e literárias, Grandville projetou a ideologia de confronto do mundo burguês sobre o universo. Sua gravura tem também a conotação de um projeto de expansão planetária.” (in BENJAMIN, 2007, Passagens. p.876) Todavia, é possível ver os planetas como cada um dos mundos explorados por aquele que ensaia. O homem com um belo balandrau passeia de um a outro. Sabendo que no fim da ponte sua morada é pequena, ele retorna para explorar sempre e novamente cada um desses mundos. Mais do que planetas, as idéias são sóis. Todavia, o homem não os penetra com o corpo, pois, do contrário, tudo é queimado.

1J. J. Grandville – pseudônimo de Jean Ignace Isidore Gérard (1803–1847) – foi um ilustrador francês que seguiu um estilo de fisiognomonia animal (BALTRUŠAITIS, 1999) de políticos para traçar suas caricaturas fantásticas, assim como o fez John Tenniel [ilustrador original de Alice], com muita semelhança, para diversas edições da revista inglesa Punch.

Trecho da dissertação O mosaico eidéticco e a ciência da origem: crítica e magia em Walter Benjamin, apresentada na PUC-Rio em 30/ABR/2010 por Victor Naine

Vide a relação com o texto Mosaico ou rizoma? | e a força ética do pensar.

Há uma ilustração de Grandville1, para Un autre monde, onde um homem excêntrico passeia numa ponte entre planetas. “Em suas especulações gráficas e literárias, Grandville projetou a ideologia de confronto do mundo burguês sobre o universo. Sua gravura tem também a conotação de um projeto de expansão planetária.” (in BENJAMIN, 2007, Passagens. p.876) Todavia, é possível ver os planetas como cada um dos mundos explorados por aquele que ensaia. O homem com um belo balandrau passeia de um a outro. Sabendo que no fim da ponte sua morada é pequena, ele retorna para explorar sempre e novamente cada um desses mundos. Mais do que planetas, as idéias são sóis. Todavia, o homem não os penetra com o corpo, pois, do contrário, tudo é queimado.

1J. J. Grandville – pseudônimo de Jean Ignace Isidore Gérard (1803–1847) – foi um ilustrador francês que seguiu um estilo de fisiognomonia animal (BALTRUŠAITIS, 1999) de políticos para traçar suas caricaturas fantásticas, assim como o fez John Tenniel [ilustrador original de Alice], com muita semelhança, para diversas edições da revista inglesa Punch.

Trecho da dissertação O mosaico eidéticco e a ciência da origem: crítica e magia em Walter Benjamin, apresentada na PUC-Rio em 30/ABR/2010 por Victor Naine

Vide a relação com o texto Mosaico ou rizoma? | e a força ética do pensar.

  1. vnaine posted this
Back to top